COLUNA

Pelos Cotovelos

Redação TopMídiaNews

Agente fica expediente sem celular, mas presos fazem ligações à rolê em Campo Grande

Bandidagem corre solta e servidor público é quem vira refém

29 DEZ 2017 Liziane Berrocal e Vinícius Squinelo 22h00min

O Brasil é o país onde o poste mija no cachorro mesmo! Denúncias recebidas pelo TopMídiaNews, de agentes penitenciários revoltados, afirmam que a farra dos celulares continua firme e forte no Presídio de ‘Segurança Máxima’ de Campo Grande. Enquanto isso, os trabalhadores não conseguem sequer falar com a família em casos de emergência.

A rotina dos bons
Conforme os agentes, todo dia ao chegar ao trabalho, eles – obrigados por Lei – deixam os celulares pessoais em um lugar reservado, e não podem fazer uso do aparelho durante todo o expediente. 

A rotina dos ruins
Enquanto isso, presidiários falam a vontade nos celulares. E ainda aproveitam pra tirar uma grana extra com golpes, além de mandar gente ‘de fora’ cometer uma série de crimes na Capital, até assassinato! Haja valores invertidos nesse País...

Em dia de festa
Assim, nessa época de fim de ano, é bom saber que os presos vão poder desejar um feliz ano novo à amigos e familiares, enquanto os agentes de segurança pública de plantão só vão poder fazer isso quando chegar em casa. Isso se chegar não é mesmo?

Novas cores!
Além do ‘Maio Amarelo’, de alerta para as mortes no trânsito, o mês também ganhará a cor ‘Laranja’.  Foi sancionada, nesta semana, a lei que institui o ‘Maio Laranja’ para combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e dos adolescentes em Mato Grosso do Sul. Iniciativa bonita no papel, mas de pouca efetividade na prática.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também