Por não consultar profissional, ‘probleminha’ pode virar pesadelo, alerta dentista

Profissional chama atenção para a importância de cuidados básicos para evitar problemas de saúde e tratar com carinho do sorriso

24 JUL 2017Amanda Amaral16h09min

 ‘Porta de entrada’ de cada pessoa, o sorriso tem importante papel social e de saúde para nós. Essa é uma noção que o profissional dentista, Yuri Boeira, traz desde cedo e transmite à seus pacientes, também na tentativa de acabar com o ‘medo’ de muitos em comparecer à uma consulta – coisa que, mesmo criança, gostava muito. Em entrevista ao TopMídiaNews, o especialista em ortodontia aliada ao tratamento estético dá dicas e compartilha parte de seu conhecimento sobre cuidado bucal, que acumula ao longo de doze anos de profissão.

Confira abaixo:

Quais os principais problemas que chegam até o consultório?

Recebo pacientes que precisam de tratamento clínico, geralmente com apelo estético dental ou facial, ou por dor, que pode ter diversas origens. Pode ser de ordem de estrutura óssea,  muscular, ou de articulação da face, chamada de atm. Essa ATM é um ponto que pode causar dor quando o paciente tem, por exemplo, bruxismo ou apertamento nos dentes. Esse aspecto é muito comum hoje em dia, às vezes a pessoa nem tem noção do que é, mas se queixa dessa dor ou fadiga muscular, até mesmo em crianças. E essa é uma patologia multifatorial, são diversas causas, uma delas é a ansiedade.

Ortodontia não é só colocar o aparelho dental, mas tem uma função muito importante na vida do paciente. Quando a avaliação mais criteriosa é feita, muitas vezes a partir da reclamação de um paciente sobre ou outro dente torto, pode ser que aquilo seja um problema de má formação óssea severa, isso já aconteceu com um paciente aqui. O que parecia simples, na verdade era bastante complexo e precisava de cirurgia, se não tratado poderia acarretar com problemas graves de articulação.

Dos problemas que a pessoa tem controle, como higiene bucal e evitar certas práticas alimentares, quais os mais comuns?

Associando minha especialidade, acabo observando que uma das principais queixas é a estética. Conversando com profissionais até mesmo de outras áreas, observo que o aspecto de ansiedade é muito comum, muitos têm uma forma de liberar esse stress com hábitos maléficos, como roer unha, mascar muito chiclete, porque força um trabalho da articulação que é desnecessário, trazendo uma fadiga muscular nociva. Muitas vezes não temos noção, mas tudo que envolve algo que foge do padrão da nossa mastigação é prejudicial.

A questão da escovação melhorou muito no Brasil, preventivamente. A prevenção é extremamente importante e vejo que há muita gente preocupada com essa questão, incluindo a escovação no mínimo três vezes ao dia, uso de fio dental, etc.

Na infância, qual a importância de cuidados bucais para a formação da arcada dentária?

A cárie, mais comum problema entre as crianças, é causada por bactérias que já existem na nossa boca. Portanto, o ‘combustível’ dessa bactéria é o açúcar e, sendo esposo de uma nutricionista e com filho de um ano e quatro meses, e trabalhamos muito com a redução ao máximo com o açúcar a ele nessa idade. Ele não sofre ainda com isso, porque não conhece, mas vai conhecer, inevitavelmente, por isso é importante trazer desde o início esses padrões básicos de cuidados com alimentação e higiene. Sou dentista, mas levei meu filho em uma pediatra odontóloga, pra ele ter contato com esse cuidado que não seja com o próprio pai, também.

E por que esses alimentos com muito açúcar são tão prejudiciais, ainda que para os dentes ‘de leite’?

Essa sacarose, o açúcar, é degradado pelas bactérias, que produzem um ácido que desmineraliza a superfície do dente. A cárie é decorrência dessas erosões. Ligando á parte ortodôntica, é importante cuidar dos dentes de leite, e infelizmente o que mais se vê é uma negligência com isso, porque se pensa que são dentes ‘descartáveis’ já que vão ser substituídos pelos permanentes. Mas esses dentes estão ali por uma causa, são guias para a erupção de dentes permanentes, também podendo transmitir doenças na boca, da mesma forma.

Em relação à questão estética, as lentes de contato são cada vez mais procuradas? O que há de novo?

Quando falamos nessas lentes de contato hoje, falamos de um trabalho minucioso, artesanal e que trouxe a possibilidade de trazer a estética dentária que pode trazer melhor qualidade de vida ao paciente. É tudo feito para harmonizar com o rosto do paciente, de forma pouquíssimo invasiva, de maneira moderna, trazendo cor, formato, tamanho de dentes conforme o que for melhor a cada pessoa.

Quais as dicas fundamentais para ter uma saúde bucal ideal?

Acompanhamento frequente de um profissional dentista, higiene e boa alimentação, sem dúvidas. O quanto mais cedo possível, uma avaliação é importante, pelo menos semestral. Nem que seja para que seja feita uma limpeza de tártaro e placa, por exemplo. Evitar consumo de alimentos industrializados também é uma chave. Uma boa escovação, várias vezes ao dia e claro, um hábito imprescindível que infelizmente ainda não é de rotina no brasileiro, o uso do fio dental! 

nando viana

Deixe seu Comentário

Leia Também

erro medico