Condenado duas vezes, vereador 'romântico' nega notificação para se afastar do cargo

Presidente da Câmara também desconhece informação

9 JAN 2018Thiago de Souza19h11min
Lucas de Lima nega sair do cargo por conta de processoFoto: Reprodução Facebook

O vereador Lucas de Lima (SD) negou ter recebido qualquer notificação da Justiça para se afastar do cargo em Campo Grande. Após duas condenações na justiça estadual, o parlamentar recorre às cortes superiores, como o STJ e STF.

Rumores sobre seu possível afastamento surgiram na tarde desta terça-feira (9). Conforme o radialista, conhecido como Lucas do Amor Sem Fim, a condenação é por conta de um processo trabalhista, que segundo ele, foi colocado como 'apropriação indébita' pelo Ministério Público.

''Tinha uma pizzaria e era fiel depositário. A empresa teve dívidas, tivemos problemas  e fechou. Mas estamos tranquilos e recorrendo ao STJ e STF'', explicou o parlamentar.

Conforme Lima, o apelo no Superior Tribunal de Justiça foi feito há cerca de dois anos. Já no Supremo Tribunal Federal, a defesa dele ainda vai entrar com recurso.

Sobre uma possível condenação, Lucas se disse tranquilo e que o crime é de menor potencial ofensivo, por isso não entra na Lei da Ficha Limpa.

''A condenação foi de 1 ano a quatro meses, mas foi revertida em prestação de serviços à comunidade. Foi um crime culposo e não doloso. Não tive a intenção'', disse Lucas.

Na tarde desta terça-feira, o presidente da Câmara, vereador João Rocha (PSDB), também negou ter recebido qualquer documento sobre afastamento do parlamentar.

hmed

Deixe seu Comentário

Leia Também